SEO – Configurando site Webnode

Configurando SEO no site Webnode

Neste artigo, gostaríamos de mostrar como pode tirar o máximo proveito das ferramentas SEO que o nosso editor oferece.

Alguns recursos são predefinidos, e por isso você não precisa preocupar-se com eles. Outros precisarão da sua atenção. Vamos examinar mais de perto os títulos e descrições das páginas do seu site, palavras-chave, endereços URL, descrições das imagens, conexão segura por HTTPS e design responsivo do website.

 

Título

O título da página é um elemento crucial tanto para visitantes como para robôs que forem indexar seu site para os bancos de dados. O título informa aos rastreadores sobre o conteúdo do seu site e se é relevante para a consulta feita pelos internautas. Ele também pode convencer os visitantes em potencial a clicarem no seu link e escolherem seu site dentre todos os sites exibidos nos resultados de busca. Trata-se de uma superpotência impressionante, portanto, use-a em seu proveito.

Onde aparecem os títulos?

Por regra geral, encontramos os títulos nos resultados de busca do Google e de outros mecanismos de busca. Eles geram um manchete clicável e se parecem com isso:

SEO - Como o manchete aparece no Google

Você consegue ver estas manchetes em visualizações de postagens sociais e sempre que alguém compartilhar seu site nas mídias sociais. Além disso, os títulos ficam exibidos também nas guias do navegador. Se você é dessas pessoas que sempre têm muitas guias abertas, os títulos tornam a sua navegação entre elas muito mais fácil:

Título do site aparecendo na guia do navegador

Como escrever um bom título

Um título deve ter um nome conciso e adequado para a dada página a fim de fornecer ao Google e aos visitantes uma pista sobre seu conteúdo. Por isso, os títulos não devem ser idênticos em páginas diferentes de um site. Não se esqueça que todas as páginas do seu site, mesmo as menos significantes, merecem ter um título próprio.

O comprimento de um título depende dos caracteres utilizados. Atualmente, o comprimento máximo é de 600 pixels, em que cabem aproximadamente 60 caracteres padrão. Se o título for muito longo, não será exibido por completo. Por isso, tente mantê-lo curto para que também possa ser lido com facilidade. 

É sempre vantajoso usar palavras-chave no início do título porque é essa parte do texto que chama atenção dos leitores enquanto eles navegam nos resultados de pesquisa. A única regra é não exagerar. Os mecanismos de busca não gostam de títulos cheios de palavras-chave e usados sem sentido.

Se você tiver um espaço a mais, poderá adicionar nome da sua marca ao título. Basta mencioná-lo no final. Se a sua marca for forte o suficiente, o Google poderá até adicioná-la automaticamente.

O que acontece se não tiver um título?

Na maioria dos casos, os resultados de busca irão mostrar apenas o nome do seu site. Lembre-se de que nome do site não é nome do domínio, mas sim o nome que você escolheu para o seu projeto Webnode quando o criou. Você pode mudar este nome a qualquer momento – no editor, clique em “Configurações” no canto superior direito e você verá esta opção de edição na seção “Configurações do site”:

SEO - Alterando nome do site no editor Webnode

Mas Google também pode decidir ignorar seus títulos e mostrar outro texto. Você não consegue influenciar isso, mas é bom conhecer os possíveis motivos: 

  • há palavras-chave demais no seu título,
  • seu título não bate com a pergunta do internauta,
  • Google acha que o título não descreve bem o conteúdo da página.

É um motivo a mais para dedicar certa atenção a todos os títulos. 

Como configurar títulos com Webnode

Você já tem uma ideia bacana para um título cativante que convencerá as pessoas a visitar seu site? Então está na hora de adicioná-lo ao seu site Webnode. Basta clicar no botão “Páginas” no canto superior direito do editor, selecionar a respectiva página e, na seção Configurações SEO da página, inserir o novo título:

SEO - Configurando título para página com Webnode

Descrição

Honestamente, quantas vezes você preferiu não clicar em um link nos resultados do Google só porque a sua descrição parecia ser suspeita?

A descrição funciona como o título – é exibida nos resultados de pesquisa e nas redes sociais e deve ser criada de forma exclusiva para todas as páginas. Se você não a preencher nas configurações SEO do seu site, será exibido o primeiro texto da página que demonstre ser apropriado para tal finalidade. Por regra geral, trata-se de qualquer texto incluído na parte superior da página, o que nem sempre é uma solução ideal.SEO - Como aparece descrição da página no Google

Diferentemente dos títulos, as descrições devem ser criadas para os visitantes, não sendo um fator que influencie posição do site nos resultados de pesquisa. A descrição deve fornecer um breve resumo explicando o que pode ser encontrado na página específica e atraindo internautas pelo conteúdo e/ou sua utilidade. Aborde a descrição como uma um anúncio publicitário. Se não tem ideia sobre como redigir tais descrições, imagine que está descrevendo aos seus amigos o que podem achar na página, mas usando uma única frase. 

Se você, por sua vez, for uma pessoa criativa, aproveite – direcione vendas, promova ofertas especiais ou destaque informações importantes, tais como detalhes de contato. Tenha em mente de não criar descrições compridas demais. O limite atual é 160 caracteres que representam 2 ou 3 frases curtas.

No editor Webnode, você pode digitar as descrições no mesmo espaço que os títulos – siga o caminho “Páginas” / Configurações SEO da página:

SEO - Configurando meta descrição com Webnode

Palavras-chave

As palavras-chave são cruciais para a sua comunicação e compartilhamento de conteúdos com os visitantes do seu site.

Definitivamente, não é uma boa ideia compor seu texto apenas por palavras-chave, uma atrás da outra. Essa foi a prática muito comum no passado quando os motores de busca estavam apenas começando. Os proprietários de sites conseguiam enganar os buscadores, não obstante a qualidade do conteúdo. Hoje em dia, Google consegue detectar facilmente se você empilha palavras-chave em textos com o único objetivo de alcançar uma posição melhor nos resultados de busca. Como resultado, seu site será ignorado ou até penalizado.

Em vez de fazer truques, tente trabalhar com as palavras-chave naturalmente. O leitor não deveria notar palavras-chave ao ler, enquanto essas palavras deveriam direcionar a sua atenção subconscientemente para um conteúdo importante. Parece ser uma tarefa fácil, não é? A boa notícia é que as palavras-chave aparecerão espontaneamente nos textos se você escrever conteúdo de alta qualidade.

Como decidir que tipo de palavras-chave você deve usar? Conheça seu público-alvo e concorrentes primeiro. Se quiser ter certeza sobre que fez o máximo, poderá usar um dos serviços online para busca de palavras-chave, como por exemplo este, criado pelo próprio Google: https://ads.google.com/intl/pt-BR_br/home/tools/keyword-planner/

Meta palavras-chave

Até o momento, analisamos palavras-chave incorporadas em textos, títulos e descrições com a finalidade de despertar interesse dos visitantes.

Além disso, o nosso editor oferece um recurso para adicionar palavras-chave como “meta tag”. Os meta tags sinalizam aos robôs de busca o que devem esperar em uma página e como categorizar páginas no banco de dados de websites. Google ignora as meta palavras-chave, mas outros mecanismos de pesquisa menores e locais ainda podem levá-las em consideração.

Meta palavras-chave podem ser inseridas também nas Configurações SEO de cada página:

SEO - Configurando palavras-chave com Webnode

Que tipo de palavras-chave devo usar?

Agora vem a parte complicada. Vamos começar com dicas aplicáveis para todos os tipos de palavras-chave. A menos que você seja pioneiro no seu nicho, use palavras-chave específicas, antes das genéricas.

Aqui está um exemplo: Você é encanador e deseja que os clientes o encontrem online. Se você procurar por palavra genérica “encanador”, receberá milhares de resultados. Nem todos eles estarão conectados ao que você pretendia pesquisar e os concorrentes bem estabelecidos terão os primeiros lugares. Se, em vez disso, pesquisar por palavras-chave de cauda longa mais específicas, como “encanador Nazaré Belo Horizonte” ou “encanador barato Nazaré Belo Horizonte”, seu site terá uma chance muito maior de ser encontrado.

Como funciona? Por um momento, faça de conta que é cliente, e tente achar alguma coisa no Google. É provável que você pesquise intuitivamente por várias palavras, frase inteira (por exemplo: “como criar um site de graça”) e localidade. Provavelmente, a pesquisa apresentará menos resultados, porém altamente relevantes. Ao fornecer detalhes específicos aos mecanismos de pesquisa, eles conseguem filtrar melhor nos bancos de dados e mostrar a resposta certa. Veja se o seu site está pronto para isso e concentre-se nas palavras-chave de cauda longa.

Ao fazer a lista de palavras-chave, não é necessário criar centenas delas para cada página, mas é melhor focar em no máximo 20, todas elas altamente relevantes. É possível inserir palavras-chave em próprio domínio, mas lembre-se do que foi dito sobre isso no nosso artigo anterior.

Endereço URL personalizado

Nas Configurações SEO da página, consegue também definir identificadores URL personalizados o que facilita a navegação no site. Mais, será que um URL comprido e cheio de caracteres estranhos, pontos de interrogação, traços e outros enfeites não parece suspeito? Um URL conciso e simples dará mais confiança, como também uma visão clara sobre o tema da página.

O nosso editor torna o nome da página em identificador URL automaticamente, mas você pode alterá-lo nas Configurações SEO da página, independentemente do nome dado a página:SEO - Configurando descrição de imagens com WebnodeSEO - Alterando descrição de imagens com Webnode

Imagens

Muitos donos de sites não fazem a mínima ideia de que as páginas podem ser pesquisadas no Google através de imagens. Os internautas tendem a procurar imagens específicas ou sites que fornecem mais contexto às mesmas. Como as pessoas cada vez mais pesquisam por imagens, seria uma pena ignorar essa oportunidade. As suas imagens podem alcançar uma boa posição, até mesmo através das palavras-chave bastante genéricas.

Como indexar imagens no Google?

Preste atenção a nomes das imagens que publica. Antes de carregar imagens no editor do site, dê um nome exclusivo que descreva o que está na imagem a cada arquivo. Recomendamos que preencha também a descrição das imagens no editor – ela irá funcionar como “Alt” text.

Este texto alternativo vai também ajudar na acessibilidade do seu site porque é processado pelos leitores de tela que descrevem imagens para visitantes com deficiência visual. De momento, os mecanismos de pesquisa não conseguem reconhecer o que é exibido nas imagens, por isso descreva cada imagem com palavras para poderem indexar as suas fotos melhor.

HTTPS

Certamente, deve ter notado que alguns sites são rotulados como “não seguros” pelo seu navegador que lhe aconselha a não abri-los. Simplificando, isso significa que estes sites não conseguem garantir uma conexão segura e as informações que você digitar ao visitá-los poderiam ser roubadas.

Se você criar um site com Webnode, um certificado SSL será automaticamente gerado. Esse fornece conexão criptografada e garante acesso seguro ao seu site. Você não precisa fazer nada e seu site será um local seguro para visitantes.

HTTPS aparecendo em cada site Webnode

Ao registrar o seu próprio domínio com Webnode, o mesmo certificado será criado também para ele. Se decidir usar domínio hospedado com outro provedor na Webnode, você apenas terá que cuidar das configurações do domínio. A nossa equipe de Atendimento ao Cliente está pronta para lhe dar assistência. 

Design responsivo

Muito se fala sobre como o Google prioriza versão móvel de sites e nós vamos dedicar último artigo desta série ao tema. Aqui, gostaríamos de mencionar design responsivo de sites que exerce influência sobre a exibição do seu site nos dispositivos móveis.

Design responsivo significa que o seu site ficará ajustado à tela de qualquer tipo de dispositivo em que o seu site é exibido. Você cria site em um computador, mas ele ficará ótimo e natural também em tablet ou smartphone. É uma grande vantagem e uma ótima notícia não só para a sua posição no Google, mas principalmente para seus visitantes que não vão ficar desencorajados pela má aparência do site no celular.

Mais uma vez, é uma coisa com que não precisa preocupar-se ao ter site com Webnode. Todos os nossos modelos têm um design responsivo. Se quiser testar como funciona, abra seu site no smartphone ou diminua a janela do navegador no computador – você vai ver o site ajustando-se automaticamente para caber na tela.

Umas palavras a mais

Lembra o que falamos no artigo anterior sobre a importância do conteúdo? Continua sendo válido. Tudo o que mencionamos neste artigo é a cereja no topo para tornar os sites ainda mais atraentes para os visitantes ou melhor indexados pelos mecanismos de pesquisa. Nenhum desses aspectos por si só pode dar impulso ao seu site, a menos que o conteúdo seja bom também. Isso não significa que você pode negligenciá-los. Aproveite todas as opções para fazer melhorias. Se não o fizer, seus concorrentes o farão.

  1. Noções básicas
  2. Por onde começar – conteúdo, público-alvo, concorrentes e domínio
  3. Configurando site Webnode  título, descrição e palavras-chave
  4. Links do site
  5. Conectando-se aos motores de busca
  6. Redes sociais e outros meios de divulgação do site
  7. Análise de dados: Saiba quem são seus visitantes
  8. Indexação Mobile-first

Qual é a sua experiência com títulos e descrições? Foi difícil criar palavras-chave para o seu site? Deixe-nos saber na seção de comentários abaixo.