SEO – Links do seu site

Links no seu site

Vamos falar sobre links. Mais especificamente, sobre links que você pode adicionar ao seu site para conectar suas páginas e sobre links que saem do seu site e levam as pessoas para outros sites. Quais são os benefícios deles? Ao que você deve ficar atento?

Antes de tudo, dividiremos os links do seu site em duas categorias: links internos e links de saída.

Links internos

Os links internos são aqueles que conectam páginas diferentes em um mesmo site e servem a dois propósitos: eles facilitam a navegação para seus visitantes e ajudam na indexação do site pelos mecanismos de pesquisa.

Navegação

O elemento de navegação mais importante do seu site é definitivamente o menu principal. No entanto, você pode ajudar seus visitantes a alcançar as páginas desejadas de maneira mais rápida e intuitiva. Links internos podem ajudar nos seguintes casos:

  1. Você tem um site cheio de conteúdo e longas páginas com informações onde os visitantes podem se perder facilmente? Recomendamos adicionar links que conectem estas páginas com outras partes do seu site. Você pode fornecer informações adicionais ou explorar algumas ideias sem tornar o conteúdo da página original insuportavelmente longo.
  2. Você possui uma loja virtual? Adicionar links para páginas com produtos similares ou acessórios relacionados pode convencer os clientes a comprar mais itens e aumentar suas vendas.
  3. Deseja navegar seu visitante naturalmente pelas páginas com o conteúdo mais importante? Se você deseja que as pessoas baixem um e-book, por exemplo, vincule-o a outras páginas quando fizer sentido.

Onde colocar seus links

Em textos – Estamos todos acostumados a ver links em textos e sabemos o que acontece quando clicamos neles. Idealmente, o texto em que você coloca o link deve estar diretamente relacionado ao conteúdo da página vinculada. Se uma página completamente fora de contexto for aberta, ela poderá assustar seus visitantes.

Em imagens – Embora as imagens sejam visualmente mais atraentes, usá-las como links tem suas desvantagens. Por exemplo, o Google não consegue ver o que é exibido em uma imagem e, portanto, não sabe o que pensar sobre o seu link. Até mesmo em suas diretrizes oficiais Google afirmam que prefere os links em texto. Os links em imagens também podem ser confusos, por exemplo, em telefones celulares nem sempre é claro se uma imagem pode ser clicada, a menos que seja óbvio através do contexto. Porém não desista completamente deste tipo de link. Se possível, combine links em imagens com texto ou links em texto.

Em botões – Claramente, botões de chamada à ação visíveis como “Entre em contato”, “Encomende agora” ou “Navegue pelos produtos” são muito úteis, pois fornecem um caminho claro para outra página. No Webnode, você pode adicioná-los seguindo este guia simples.

Indexação de mecanismo de pesquisa

Os mecanismos de pesquisa usam os chamados robôs de indexação que rastreiam sites e indexam novos conteúdos nos bancos de dados. Tudo acontece automaticamente, mas esse robô, às vezes, pode ignorar algumas de suas páginas ou colocar importância em uma página em que você realmente não precisa.

Links internos ajudam neste processo de indexação. Os robôs encontrarão um link e moverão para a página seguinte e, em seguida, usarão outro link para seguir para outra página e assim por diante até que todo o site seja indexado.

O número de links que levam a uma única página também informa ao Google a importância dessa página. É muito simples: as páginas com o maior número de links internos são as mais importantes para o seu site e, portanto, também devem ser promovidas mais pelo Google. O que você pode aprender com isso? Certifique-se de que todas as suas páginas recebam um número justo de links para que possam receber a mesma atenção dos mecanismos de pesquisa. Isso é chamado de link building interno

Mapa do site

O mapa do site é uma lista de todas as páginas disponíveis no seu site e uma fonte importante de informações para os robôs de indexação. Nosso editor gera seu mapa do site automaticamente, para que você possa simplesmente conectar seu site às ferramentas de mecanismo de pesquisa e eles receberão todas as informações vitais. Não é necessário, mas se você informar aos mecanismos de pesquisa sobre novas páginas ou quaisquer alterações em seu site através do mapa do site, isso acelerará todo o processo de indexação. Se não, pode levar alguns meses para que as alterações sejam indexadas e exibidas nos resultados da pesquisa.

Falaremos mais sobre o porquê e como conectar seu site aos mecanismos de pesquisa no próximo artigo.

Links de saída

Além dos links internos, você também pode usar links que enviarão seus leitores para outros sites, blogs e sites sociais relacionados. Eles são chamados de links de saída.

Agora, por que você envia seus leitores para outros sites quando normalmente passa a maior parte do tempo tentando fazê-los permanecer no seu? Porque é realmente benéfico para você.

  1. Os mecanismos de pesquisa conhecem melhor seu site. Quem você menciona para sinalizar quem você é, em qual setor está trabalhando, quem são seus concorrentes e até que tipo de tópicos você está discutindo em seu blog. Os mecanismos de pesquisa podem usar esses dados para categorizar facilmente seu site e promovê-lo com precisão.
  2. Mostre que pertence aos especialistas, endossando-os. Ao se vincular a sites relevantes e confiáveis, você aumenta a reputação deles, mas também chama a atenção para seus próprios conhecimentos. Os visitantes e os mecanismos de pesquisa verão você como uma fonte valiosa de informações respeitáveis, com backup de outros sites.
  3. Esses especialistas podem mencionar você de volta. É tudo sobre reciprocidade. Outros sites estarão mais inclinados a criar um link para o seu, se você o fizer primeiro.

Antes de mergulhar na criação desses links externos, siga algumas regras simples:

Qualidade dos links

Todos os sites vinculados devem ser relevantes. Se você criar um link para sites duvidoso ou contendo spam, a baixa qualidade deles será refletida no seu site.

Faça naturalmente

Adicionar links aos seus textos apenas porque isso poderia beneficiar seu site é um tiro que pode sair pela culatra rapidamente. Os links devem fazer sentido, portanto, adicione-os apenas se puderem ter valor e somente onde os leitores esperariam vê-los.

Ampla fonte de links

Faça uma pequena pesquisa e ofereça aos leitores uma variedade de fontes externas. Eles vão apreciar.

Mantenha-os atualizados

Se um leitor encontrar metade dos seus links em uma única página não funcionando, isso não deixará a melhor impressão. Faça uma auditoria de vez em quando e exclua todos os links obsoletos ou substitua-os por fontes mais atualizadas. Em vez de examinar minuciosamente todas as suas páginas e verificar manualmente se todos os links funcionam, você pode usar serviços especializados. Para uma opção mais avançada, convém experimentar o Screaming Frog. Se você está procurando uma solução simples, esta extensão do Chrome chamada Check my links pode fazer o trabalho.

Link building externo

É um aspecto do processo de SEO tão crucial, que gostaríamos de mencionar, pelo menos brevemente, o desenvolvimento de links externos. Link building externo é basicamente um processo para obter outros sites com links para o seu site. Idealmente, isso aconteceria naturalmente porque você tem um conteúdo incrível, outros sites desejam compartilhá-lo e o encontram por conta própria. Mas se você está começando ou não é bem conhecido, a realidade é outra. O desenvolvimento de links, como qualquer outra forma de promoção, requer trabalho constante. Pelo menos no começo, você terá que procurar sites ativamente, iniciar conversas e pedir que as pessoas promovam seu conteúdo diretamente. Você pode encontrar várias dicas úteis neste artigo sobre link building externo.

Finalizando

Para encerrar o tópico sobre os links do seu site, lembre-se disso: se eles conectam páginas do seu próprio site ou levam a outros sites, todos os links devem seguir os mesmos padrões de qualidade do seu conteúdo. Coloque-os em textos, imagens ou botões, desde que faça sentido. Quanto mais valor agregarem aos visitantes, melhor para você.

Se está começando agora ou já acompanha nossa série de artigos sobre SEO, fique ligado nos outros artigos:

  1. Noções básicas
  2. Por onde começar – conteúdo, público-alvo, concorrentes e domínio
  3. Configurando site Webnode – título, descrição e palavras-chave
  4. Links no seu site
  5. Conectando-se aos motores de busca
  6. Redes sociais e outros meios de divulgação do site
  7. Análise de dados: Saiba quem são seus visitantes
  8. Indexação Mobile-first

E que tal os links do seu site? Que tipo de links você usa com mais frequência? Comente!