SEO – O que é indexação mobile-first

indexação mobile first

O que soa como um termo técnico complexo é, na verdade, um conceito bastante simples. Vamos ver como as pessoas usam seus celulares e o que isso significa para você e seu site.

Nos últimos anos, o número de pessoas que navegam na Internet por telefones celulares e tablets tem sido consistentemente maior do que aqueles que usam computadores e laptops tradicionais. De fato, estima-se que, agora, 51% de todos os usuários acessem a Internet exclusivamente por meio de dispositivos móveis.

Em reação a essas mudanças, o Google ativou a indexação mobile-first. Isso significa que, para indexar seu conteúdo e decidir sua classificação, o Google agora usa a versão móvel do seu site, em vez da versão padrão para computador.

O que isso significa para você

Seu objetivo é tornar a interação entre os visitantes e a versão móvel do seu site o mais suave possível. No entanto, você não deve abandonar completamente a versão para computador, pois as pessoas ainda a visitarão. Como você saberá qual opção é a mais popular entre o seu público? Você pode encontrar essas informações durante sua análise de dados no Google Analytics.

Modelos responsivos

Você criou seu site com a versão atual do nosso construtor de sites? Então sente-se e relaxe. Todos esses modelos são automaticamente responsivos, que é o que o Google prefere. A versão para desktop do seu site é quase igual à versão para celular, sem precisar fazer nada. Mas é necessário alguma modificação no conteúdo e simplificação do menu para ajudar a ajustar tudo em telas menores.

Verifique a aparência do seu site em telefones celulares para saber com certeza o que os visitantes veem quando o abrem. Você pode fazer isso simplesmente encolhendo a janela do navegador.

Versão móvel diferente

Se você ainda estiver usando o construtor Webnode antigo e um dos modelos não responsivos, seu site também terá uma versão móvel gerada automaticamente. Ele tem o mesmo conteúdo da sua versão para desktop, mas o design pode ser diferente. Como a versão para celular dos modelos antigos possui uma URL um pouco diferente, começando com “m” de “mobile”, o site é chamado de m-dot. Isso também é aceitável, e o Google verá a versão móvel como principal. Ainda assim, considere mudar seu site antigo para o novo construtor, pois o Google prefere o design responsivo com URLs idênticas para as versões para celular e para computador.

Sem versão móvel

Existe alguém que ainda não tem uma versão móvel do site? Navegar e interagir com um site é inconveniente se a versão para desktop for exibida em um smartphone. Uma versão móvel ausente ou ruim também pode prejudicar significativamente sua posição nos resultados de pesquisa. O Google quer manter seus usuários satisfeitos, por isso, naturalmente, prefere sites com melhor experiência em celulares.

Indexação mobile-first no Search Console

Quando você registra um novo site no Search Console, o Google ativa a indexação mobile-first imediatamente. Se você já possui um site registrado, o Google avaliará se a versão para celular parece estar pronta e, se não, ela não será considerada como primária por enquanto. No entanto, eventualmente isso acontecerá, portanto, faz sentido trabalhar na reconstrução do site com um modelo responsivo.

As dicas SEO mais importantes

Como este também é o artigo final de nossa série de SEO para iniciantes, aqui estão os pontos principais.

  • Defina seu público-alvo – qual a idade do seu público-alvo, em qual conteúdo eles estão interessados e estão ativos nas mídias sociais? Quanto mais você souber sobre seu público-alvo, melhor será seu site e conteúdo social.
  • Espie seus concorrentes – descubra o que eles estão fazendo bem, inspire-se e tente tornar seu site ainda melhor.
  • Bom conteúdo é a coisa mais importante – você está criando seu site para pessoas, não para mecanismos de pesquisa. Se os visitantes encontrarem tudo o que precisam no seu site e um pouco mais, eles falarão sobre você e o recomendarão a outras pessoas. Seu objetivo principal, portanto, é fazer seus visitantes felizes.
  • Não esqueça seus títulos e descrições – cada página do seu site deve ter um título e uma descrição únicos e interessantes. É isso que faz as pessoas clicarem no seu link nos resultados da pesquisa.
  • Construa links – interconecte as páginas do site por meio de links internos. Promova seu conteúdo nas redes sociais, em boletins regulares e peça a cooperação de outros proprietários de sites.
  • As imagens também precisam ser otimizadas  – dê um bom nome às suas imagens antes de colocá-las online. Em seguida, adicione descrições usando nossa ferramenta.
  • Trabalho regular eventualmente compensa – atualize seu site regularmente. Verifique o desempenho das estatísticas dos visitantes e também no Search Console, depois planeje seus próximos passos para se aprimorar. SEO requer trabalho constante, mas com certeza valerá a pena.

É hora de encerrar

Então é isso, senhoras e senhores! Nosso objetivo era apresentar o tópico SEO e, se você seguiu nossos artigos, acreditamos que encontrou respostas para pelo menos suas perguntas básicas. Para guias mais técnicos e mais abrangentes, recomendamos consultar os artigos de especialistas em Moz.

Se você ainda não tem certeza se deve começar a criar seu próprio site, não tenha medo de tentar. Nosso pessoal do atendimento ao cliente está aqui para você sempre que precisar de uma ajuda.

  1. Noções básicas
  2. Por onde começar – conteúdo, público-alvo, concorrentes e domínio
  3. Configurando site Webnode – título, descrição e palavras-chave
  4. Links no seu site
  5. Como colocar site nos buscadores
  6. Redes sociais e outros meios de divulgação do site
  7. Análise de dados: Saiba quem são seus visitantes
  8. O que é Indexação Mobile-first

Você gostou da nossa série sobre SEO? Conte-nos nos comentários abaixo.